Menu
PT (BR)

Mais uma reviravolta na guerra entre o YouTube e os bloqueadores de anúncios: pague ou veja ads a cada 3 vídeos

O YouTube parece estar acirrando a sua disputa contra os bloqueadores de anúncios, conforme notaram alguns usuários do Reddit. Um membro do subreddit r/youtube postou uma captura de tela com uma mensagem em popup em que a plataforma do Google permdiz permitir que os usuários assistam a apenas 3 vídeos sem anúncios. Depois disso, o usuário precisa pagar pelo YouTube Premium ou ativar os anúncios.

A mensagem afirma: “Parece que você está usando um bloqueador de anúncios. A reprodução de vídeos será bloqueada a menos que você coloque o YouTube em sua lista de permissões ou desative o bloqueio de anúncios.” O YouTube tenta justificar isso tudo ao dizer que os anúncios ajudam a manter o serviço gratuito para usuários e a apoiar os criadores de conteúdo.

Usuários do Reddit visualizaram uma popup do YouTube pedindo que desativassem os bloqueadores de anúncios

Fonte: Reddit

Isso ocorreu um mês após o YouTube ter admitido testar novos métodos para banir os bloqueadores de anúncios. Em maio, alguns usuários relataram ter visto uma popup parecida afirmando que os “bloqueadores de anúncios não são permitidos” e os impedindo de assistir qualquer conteúdo. Agora, o YouTube parece ter aberto uma pequena exceção, permitindo que 3 vídeos sejam assistidos sem anúncios sem o YouTube Premium. Para usar a versão Premium, seria necessário desembolsar US$11,99 por mês ou US$119,99 por ano nos EUA. No Brasil, o preço é R$20,90 por mês.

Como da última vez, este teste parece ser bem limitado e nem todos os usuários se depararam com esta popup. Mas, de qualquer forma, esta situação nos mostra que o YouTube não desistiu da ideia de fazer com que os usuários desativem o bloqueador de anúncios.

No que se refere à forma como isso se refletirá nos usuários, nós já comentamos sobre esse assunto antes, e seguimos mantendo a mesma opinião. Anteriormente, dissemos que o plano do YouTube de expulsar os usuários de bloqueadores de anúncios da plataforma não será bem recebido nem pelos usuários, nem pelos bloqueadores de anúncios. Estes últimos sem dúvidas encontrarão uma forma de contornar as restrições. Conforme o YouTube ampliar o seu bloqueio, os desenvolvedores de bloqueadores de anúncios buscarão formas de contornar a detecção do YouTube. Mas isso levará tempo.

Isso significa que os usuários que insistirem em usar bloqueadores de anúncios podem ter uma experiência variada no YouTube. De vez em quando, verão alguma popup irritante, mas também haverá situações em que verão vídeos sem anúncios gratuitamente.

O YouTube levará o ban aos bloqueadores de anúncios adiante?

Se YouTube continuará ou não a intensificar a identificação de usuários que utilizam bloqueadores de anúncios, só depende da reação dos usuários à nova funcionalidade. Pelo que se vê nos comentários do Reddit, a reação é negativa e os comentários com mais upvotes aponta para o excesso de anúncios do YouTube.

Reação negativa dos usuários do Reddit ao ban dos bloqueadores de anúncios

A quantidade de anúncios veiculados no YouTube vem aumentando a cada dia, gerando mais e mais frustração nos usuários. E o YouTube não faz nada com relação a isso. Em setembro do ano passado, o YouTube chegou a fazer um experimento em que mostrava até 11 anúncios consecutivos de 6 segundos que não podiam ser pulados antes de um vídeo. O experimento causou imensas críticas e logo foi interrompido.

Outro problema com os anúncios do YouTube, além do fato de que podem ser irritantes e invasivos, é que alguns deles podem ser falsos. Vários usuários encontraram “anúncios de golpes” que os convenceram a comprar produtos falsos ou de qualidade duvidosa, como esquemas que vendem o enriquecimento fácil. Alguns desses anúncios até mesmo utilizam a imagem de figuras pública ou criadores populares para enganar os seus fãs. Isso fez com que alguns usuários recorressem aos bloqueadores de anúncios para deixar a plataforma não apenas mais limpa, mas também mais segura.

Usuários recorreram a bloqueadores de anúncios para se protegerem contra anúncios de golpistas no YouTube

Por que não?

Por outro lado, o YouTube está apenas seguindo uma tendência de outras plataformas de vídeo, que estão mudando para um modelo de assinatura e incentivando os usuários a ver mais anúncios ou pagar duas vezes. A Netflix, por exemplo, revelou estar tirando de circulação o seu plano básico sem anúncios, que custa US$9,99 por mês. Novos clientes que quiserem evitar anúncios terão que pagar pelo menos US$15,49 por mês no plano Standard. Trata-se de uma verdadeira alta no preço.

Por outro lado, a receita de anúncios do YouTube caiu pelo terceiro trimestre seguido, o que pode ter feito com que as lideranças da plataforma buscassem formas de recuperá-la e alguém para culpar. Os bloqueadores de anúncios foram o bode expiatório mais conveniente. Mas e os criadores? O YouTube afirma que, ao desativar o seu bloqueador de anúncios, você os apoia. Mas será mesmo? Apenas em partes.

Nem todos os criadores se beneficiam do banimento dos bloqueadores de anúncios

Os criadores do YouTube apenas podem receber uma parte do lucro com anúncios do YouTube se atenderem a alguns critérios de eligibilidade. Isso inclui ter ao menos 500 inscritos e 3000 horas de vídeos assistidos no último ano (para o Programa de Parceiros do YouTube). No entanto, fazer parte deste programa não garante uma renda estável proveniente de anúncios.

A quantidade de dinheiro que você pode ganhar dos anúncios do YouTube depende de vários fatores, como o tópico de vídeo e da localização dos visualizadores. Mas um dos pontos mais importantes é o número de pessoas que de fato clicam nos anúncios, assistam ads curtos inteiros ou ao menos 30 segundos dos ads mais longos. Apenas estas visualizações contam para o ganho do YouTube e dos criadores. De acordo com o Influencer Marketing Hub, a média de ganhos por vídeo é de aproximadamente US$0,018 por visualização ou US$18 a cada 1000 visualizações. No entanto, este número pode variar significativamente. A Business Insider apontou para o fato de que diferentes influencers ganharam entre US$1,61 e US$29,30 a cada 1000 visualizações. Além disso, vídeos podem ser desmonetizados por motivos aleatórios ou mesmo devido a algum erro, que pode reduzir ainda mais o lucro de anúncios. Tudo isso significa que os criadores do YouTube não podem depender apenas de ads para levar o seu canal adiante e possivelmente acabarão dependendo de parcerias com marcas e doações para uma renda mais estável e mais conexão com a sua audiência.

Vale també notar que o YouTube ainda monetiza vídeos de canais que ainda não estão qualificados para o programa de parceria. Isso significa que todo o dinheiro dos anúncios mostrados naqueles vídeos fica nas mãos do YouTube e os criadores não ganham nada. Além disso, os criadores optam por desativar todos os anúncios do YouTube e ganhar o seu dinheiro de maneira independente da plataforma, seja via doações, merchandising etc.

E não devemos nos esquecer de que o YouTube mantém uma boa parte do dinheiro de seus anúncios para si (aproximadamente 45%), enquanto o dinheiro que você doa vai diretamente para o seu YouTuber preferido. Em resumo, o YouTube ads não é uma fonte de renda confiável para a maioria dos criadores, já que envolve vários fatores que não estão em seu controle. Portanto, desligar os bloqueadores de anúncios pode não ter um impacto tão grande nos ganhos dos YouTubers, já que a maioria das visualizações não garante nenhum lucro de qualquer forma. A melhor estratégia para apoiar criadores é provavelmente através do doações, já que isso garante que o dinheiro chegue diretamente até eles e não aos bolsos dos gigantes da tecnologia.


Até agora, nós ainda não nos deparamos com esta popup diretamente no YouTube. Como mencionado, o YouTube ainda está em fase de testes no que se refere a este banimento e esse é provável motivo pelo qual ainda não vimos o aviso. Se você o vir enquanto está usando o bloqueador de anúncios AdGuard, escreva-nos. Enquanto isso, aqui está um vídeo sobre como bloquear anúncios do YouTube em qualquer dispositivo ou sistema operacions com o AdGuard.

Gostou deste post?

AdGuard para Windows

AdGuard para Windows é mais do que um bloqueador de anúncios. É uma ferramenta multiusos que bloqueia anúncios, controla o acesso a sites perigosos, acelera o carregamento de páginas e protege as crianças de conteúdos impróprios.
Revisões: 14353
4,7 de 5
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença
Leia mais

AdGuard para Mac

Ao contrário de outros bloqueadores de anúncios, o AdGuard foi projetado pensando nas especificações do macOS. Não só fornece defesa contra anúncios no Safari e outros navegadores, mas também lhe protege contra rastreamento, phishing e fraudes.
Revisões: 14353
4,7 de 5
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença
Leia mais

AdGuard para Android

AdGuard para Android é a solução ideal para dispositivos móveis Android. Ao contrario dos outros bloqueadores de anúncios, o AdGuard não requer acesso ao usuário root e oferece uma ampla gama de recursos: filtragem em aplicativos, gerenciamento de aplicativos e muito mais.
Revisões: 14353
4,7 de 5
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença

AdGuard para iOS

O bloqueador de anúncios mais avançado para o Safari: faz esquecer os anúncios pop-up, acelera o carregamento de páginas, e protege os seus dados pessoais. Uma ferramenta manual de bloqueio de elementos e configurações altamente personalizáveis ajudam-no a adaptar a filtragem às suas necessidades exactas.
Revisões: 14353
4,7 de 5
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença

Extensão de navegador AdGuard

O AdGuard tem a extensão de bloqueio de anúncios mais leve, rápida e que efetivamente bloqueia todos os tipos de anúncios em todas as páginas da internet! Escolha o AdGuard para o navegador que você usa e obtenha uma navegação gratuita, rápida e segura.
Revisões: 14353
4,7 de 5

AdGuard para Safari

As extensões de bloqueio de anúncios para o Safari estão enfrentando dificuldades desde que a Apple começou a forçar o uso do novo SDK para todos. A extensão AdGuard deve trazer de volta a alta qualidade de bloqueio de anúncio para o Safari.
Revisões: 14353
4,7 de 5
App Store
Baixar
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença

AdGuard Home

O AdGuard Home é um servidor de DNS para bloqueio de anúncios e rastreamento em toda a rede. Depois de configurá-lo, ele abrange TODOS os seus dispositivos domésticos e você não irá precisar de nenhum programa instalado. Com o surgimento da Internet das coisas e dispositivos conectados, torna-se cada vez mais importante poder controlar toda a sua rede.
Revisões: 14353
4,7 de 5

Bloqueador de conteúdo do AdGuard

O Bloqueador de Conteúdo do AdGuard elimina todos os anúncios em navegadores para dispositivos móveis que ofereçem suporte a tecnologia para bloqueio de conteúdo — ou seja Samsung Internet e Yandex Browser. Embora seja mais limitado do que o AdGuard para Android, ele é gratuito, fácil de instalar e ainda oferece alta qualidade de bloqueio de anúncios.
Revisões: 14353
4,7 de 5
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença
Leia mais

Assistente do AdGuard

Uma extensão complementar para o AdGuard aplicativos para computador. Oferece acesso no navegador a funcionalidades tais como bloqueio de elementos personalizados, lista de permissões ou envio de um relatório de erro.
Revisões: 14353
4,7 de 5
Assistente para Chrome Este é o seu navegador atual?
Instalar
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença
Assistente para Firefox Este é o seu navegador atual?
Instalar
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença
Assistente para Edge Este é o seu navegador atual?
Instalar
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença
Assistente para Opera Este é o seu navegador atual?
Instalar
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença
Assistente para Yandex Este é o seu navegador atual?
Instalar
Ao baixar o programa, você aceita os termos do Contrato de licença
Assistente para Safari Este é o seu navegador atual?
Se você não sabe qual é o seu navegador, tente a antiga versão antiga do Assistente, que você pode encontrar nas configurações da extensão do AdGuard.

AdGuard Temp Mail β

Um gerador de endereços de e-mail temporário gratuito que mantém você anônimo e protege sua privacidade. Nada de spam na sua caixa de entrada principal!
Revisões: 14353
4,7 de 5

AdGuard para Android TV

O AdGuard para Android TV é o único aplicativo que bloqueia anúncios, protege sua privacidade e atua como firewall na sua Smart TV. Receba avisos sobre ameaças da Web, use DNS seguro e aproveite o tráfego criptografado. Relaxe e assista suas séries favoritas com segurança de alto nível e zero anúncios!
Revisões: 14353
4,7 de 5
Baixando o AdGuard Clique no botão indicado pela seta para iniciar a instalação Selecione "Abrir" e clique em "OK", e então aguarde o download do arquivo. Na janela aberta, arraste o ícone do AdGuard para a pasta "Aplicativos". Obrigado por escolher o AdGuard! Selecione "Abrir" e clique em "OK", depois aguarde o download do arquivo ser finalizado. Na janela aberta, clique em "Instalar". Obrigado por escolher o AdGuard!
Instale o AdGuard no seu dispositivo móvel